O dom da Fé

O amor perfeito exclui o medo. Se o medo existe, então não há amor perfeito.

Mas: Só o amor perfeito existe! Se há medo, ele produz um estado que não existe.

Acredita nisso e tu serás livre. Só Deus pode estabelecer essa solução e essa fé é o Seu dom.” Ucem

Esse texto está na primeira página da agenda de 2010, registrando a minha sensata escolha em viver sem medo.

Para quem experimentava o medo constantemente, tomar a firme decisão de excluí-lo de minha vida foi  um difícil desafio, que está permitindo que eu encontre a felicidade e a alegria em viver.

Diferente da orientação que nos diz que o medo é necessário, que nos protege,  que devemos enfrentá-lo, ter coragem ou ainda fugir dele, etc…, compreendi que devia aceitá-lo, buscando entender onde estava a falta de perdão que o provocava, pois ele advém da ideia de não merecimento de Amor, por algo errado que teríamos feito. E como vivemos sob o constante julgamento de certo e errado, estamos inconscientemente acreditando em possíveis punições e infelizmente, concretizando-as.

O medo é uma nuvem escura que esconde o Amor existente junto do que nos faz sentí-lo, seja uma pessoa ou uma situação. Quando o aceitamos, olhando para além dele utilizando-nos da Fé, essa nuvem some permitindo que quem ou o que nos fez sentir medo, passe a ser um reflexo do nosso Amor.

A nossa sociedade lamentavelmente está baseada no medo. A solução encontrada é utilizar-se mais e mais daquilo que o dinheiro permite para ter segurança e proteção, aumentando assim o medo, dando mais força para essa energia que agride e destrói.

E se aceitássemos desfazer o medo ao invés de aumentá-lo?

O simples ato de aceitar, entregar e optar por perdoar todas as situações, dará início a um processo que nos levará muito além, desfazendo aos poucos, o volume dessa densa energia existente.

Quando iniciei os estudos do UCEM, aprendi que deveria entregar para a Divindade todas as dificuldades e também tudo o que desejava realizar ou mudar. Com a força advinda dessa conexão, as situações começaram a se modificar, novos fatos passaram a acontecer, alguns positivos outros não,  gerando dúvidas sobre meu merecimento e provocando o medo, exigindo cada vez mais o exercício da Entrega.

Com  a atitudes da aceitação, entrega e opção pelo Perdão, o medo presente nas situações perdeu aos poucos sua força abrindo espaço para o Amor.

Desde então, uma aura protetora me envolve e se estende àqueles com quem convivo.

Trata-se de um processo onde interagimos com o Divino, fizemos a parte da Aceitação, Entrega e opção pelo Perdão, confiando a ele o nosso andar, mantendo dentro de nós o sublime sentimento de Amor, evitando rotular ou julgar as situações onde poderíamos sentir raiva, mágoa ou medo.

Essa atitude difere daquela onde acreditamos em um deus distante de nós. Nessa, nos voltamos para o nosso Interior, sabedores que nele habita a Divindade que é parte de nós. Assim estamos depositando nossa Fé e confiança em Deus, através do Espírito de Amor que somos.

Acreditar que possuímos essa Força interna, depende fundamentalmente da Fé em Algo maior do que nós, pois ela nos é dada por meio da aceitação, entrega e Perdão, já que se faz necessário a escolha do sentimento de Amor para as soluções das dificuldades e para a nossa proteção.

Na medida em que exercitamos essa nova forma de realizar, a Fé torna-se uma certeza absoluta de que a melhor solução para qualquer situação, já está sendo dada. Aí o medo perde definitivamente o lugar que ocupava junto a nós, abrindo espaço para o Amor perfeito permanecer.

Revisão e correção com apoio de Luis Daniel Silla Grecco.

Autora dos livros

A Culpa não é Sua – Perdão: A Essência da transformação – Ed. BesouroBox

A Comunicação por meio do Amor – Ed. Scortecci

Relações de Amor Sinceras – Ed. BesouroBox

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s